Quarta-feira, 28 de Outubro de 2009

homo electus erectus

Um dos meus maiores embaraços desta campanha eleitoral foi a persistência do Delfim Azevedo em querer que nos outdoors figurasse a imagem de toda a equipa candidata à Câmara Municipal e não, como todos os outros partidos preferiram, dar destaque apenas ao cabeça de lista.
Essa minha frustração não tem nada a ver com modéstias deslocadas; bem pelo contrário. Prende-se, isso sim, com o facto muito pragmático de eu ter uma irreprimível predilecção pelo anonimato que me assegura uma liberdade de gestos e condutas que aqueles cartazes e esta eleição me proibiram de vez. Tenho de me resignar que isto da política traz consigo alguma exposição pública. Ossos.

Na tomada de posse como vereador, os jornalistas acotovelavam-se para tirar as fotografias da praxe. Lá me pus, obediente como sei ser, em sentido para que o fizessem como queriam.

Hoje vi o resultado dessas fotos. Vi a primeira página do Jornal das Caldas e asseguro-vos que me desmanchei descontroladamente a rir. Não é a primeira vez que me rebolo a rir com este jornal pelas decisões de paginação que vai tomando, desde há anos. Mas, desta vez, até a mim me surpreenderam. Curvo-me num misto de pasmo e admiração. Fazer figurar o novo elenco executivo da câmara municipal mesmo ao lado de um sem número de pilas monumentais das Caldas é tão fantástico, mas tão delirantemente fantástico que me deu uma irreprimível vontade de abraçar o paginador, quem quer que ele seja.

Creio que a política ganha muitíssimo com esta abordagem urológica. As pilas é que nem por isso. Dou, evidentemente, os meus parabéns ao brilhante, anónimo e injustiçado artista que tomou tão histórica (histérica?) decisão semântica e lanço já daqui um estridente viva à dignidade das funções púbicas.

E às públicas também, vá lá.

----------------

Aqui fica, para memória futura, esta glande ideia. Até a junção dos títulos é irrepreensível: "Nova câmara: a terra das malandrices" Génio, puro génio.

capa002.jpg
publicado por Rui Correia às 23:48
link deste artigo | comentar | favorito
2 comentários:
De Rui a 30 de Outubro de 2009 às 01:27
Portugal no seu absolute best. Esmiuçar os sufrágios sem isto é um despautério. Pérolas.
De Tito de Morais a 30 de Outubro de 2009 às 00:33
Espectacular! :)

Comentar post

pesquisa

 

arquivo

nós

Dezembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
31

t&d
t&d