Quarta-feira, 21 de Abril de 2004

o colectivo

Com que alegria preparámos o mobile do vinte e cinco de abril. Um 3 e um 0 pendurados farão a diferença. O que mais importa é o humor de todo o empreendimento. E a ficha técnica das ideias: eu lembrei-me do conceito, a cristina freitas propôs a decoração, a margarida atiçou entusiasmos, o joão disse que o esferovite compacto - wallmate - é que era, a d. lídia foi à procura de dimensões e preços, o sr. joão carregou com as placas e comprou a cola, eu transportei tudo de carro, a rita desenhou os números e o joão e eu cortámo-los com um tico-tico, a rita colou aquilo tudo, o sr.joão pintou uma ripa de madeira e fixou-a na parede para pendurar uns camarões para segurar o mobile, os alunos vão fotocopiar e colar imagens do 25 de abril. O espírito continua. Um colectivo, dir-se-ia se o 25 de abril fosse mesmo como eles dizem "sempre".
publicado por Rui Correia às 03:24
link deste artigo | comentar | favorito
3 comentários:
De rui a 24 de Abril de 2004 às 15:23
Afinal 25 de Abril Sempre. Aquilo há-de ali ficar até que o espaço multi-usos abra ao público. Por aí já vês...
De rui a 24 de Abril de 2004 às 15:09
A minha parte (comprar materiais e executar o 30) ficou concluída a 21.
De Frangipani a 21 de Abril de 2004 às 20:44
Desculpa lá, mas quando vi o 30 achei um piadão. Colocam a 30?

Comentar post

pesquisa

 

arquivo

nós

Dezembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
31

t&d
t&d