Terça-feira, 27 de Abril de 2004

mentar, meu caro watson

jbrett.jpg

Não o sei há muito tempo: a palavra mentir chega-nos do étimo "mens", que - é sabido - significa "mente". É inesperado que uma palavra que, antes, se referia ao exercício da mente, se tenha, ao longo de tanto "exercício", desviado de tal modo do seu significado original. É verdade que "mentir" é ainda hoje entendido como um exercício da mente. Mas um exercício pouco louvável e atribuído geralmente a quem não faz da verdade o seu imperativo mais categórico. ("O que é a verdade?..." ouço ao longe, com reticências). Recordo uma reflexão anterior: sempre que alguém, que não conhecemos bem, nos pergunta "Então? como estás?", se estivermos bem, diremos "Estou bem, obrigado"; se estivermos numa depressão torturadamente silenciosa, claro que responderemos "Estou bem, obrigado", porque o que estamos a sentir é tão íntimo que não é para ser partilhado com um tipo qualquer que conheçamos, que nos aborde na rua com um "Então? como estás?". Isto não significa que não sejamos honestos. Isto significa que me junto àqueles que pensam que, simplesmente, falta um verbo na língua portuguesa: o verbo "mentar". Ou seja, mentir para manter a serenidade cordata do comércio social. Uma mentirinha, como as de 1º de Abril. Inofensiva. Limpa. Anódina. Benigna, até.

Agora o mesmo, mas de outra maneira.

Que coisa vem a ser esta de querer agradar a todos? Acaso haverá quem alimente esta visão espantosa pela qual tudo quanto façamos ou digamos, se for bem cuidado, numa escultura imperturbável de silêncios e de omissões, pontuando com um ditozinho aqui, uma outra palavra acoli, um 1º de Abril acolari e talvez até... quem sabe? Quem sabe. Talvez haja quem sabe. Deve haver quem sabe. Ou julgue. Julgar é tão fácil.
publicado por Rui Correia às 23:20
link deste artigo | comentar | favorito
2 comentários:
De rui a 28 de Abril de 2004 às 12:04
"mentar" estaria para "mentir" como "sentar" para "sentir".
É interessante pensar que dispomos da palavra "comentar", que significa justamente "pensar com" e, já agora, também a palavra "mentor". Aqui a etimologia terá a sua palavra a dizer...
De frangipani a 27 de Abril de 2004 às 23:27
Não o entendas como uma troca de galhardetes - e que fosse? - mas estás a escrever como nunca... Não, não, estou a mentar, estou bem, obrigado :)

Comentar post

pesquisa

 

arquivo

nós

Dezembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
31

t&d
t&d