Segunda-feira, 17 de Maio de 2004

gavetas parte III e parte final

liberdade.jpg



Tantas diferenças e uma constante: a finitude das vidas não é a finitude das suas diferenças.
O que é que levará os homens a acreditar no logro das guerras? Que cega é a ambição que os move.
Ouço vozes que se levantam contra a privatização das companhias de combate. Sim, soldados profissionais que pertencem a uma empresa de guerra. Não vão pela pátria, vão pela cor do dinheiro. Tão abjectos os caminhos, os dois, mas o primeiro ainda poderia advogar a legítima defesa.
Não, não há desculpa para a violência.

Inclemência, desumanidade e crueldade são os verdadeiros perfumes de tanta bestialidade. Que os deuses lhes valham.
publicado por Rui Correia às 13:49
link deste artigo | comentar | favorito
2 comentários:
De frangipani a 17 de Maio de 2004 às 19:40
Como eu gosto dessas palavras.
De rui a 17 de Maio de 2004 às 18:08
O Schiller dizia "A paz apenas está reservada ao pacífico". Não há "caminhos para a paz". A paz É o caminho.

Comentar post

pesquisa

 

arquivo

nós

Dezembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
31

t&d
t&d