Domingo, 11 de Julho de 2004

indicador

dedo.jpg

Quando acabou o filme, não me aguentei. Fiquei à espera de saber quem tinha feito a tradução do "Mona Lisa Smile". Lá apareceu a legenda, branco no preto:

"- Marta Mendonça - Crisbet. Lda.", resmunguei por entre os dentes.

Esta menina acha mesmo que as pinturas que Michelangelo Buonarroti fez no Vaticano em 1508, por encomenda do papa Sisto IV, ficam no tecto de uma tal
"Capela Celestina".
Num repente, apeteceu-me que tudo quanto dizem do dia do Juízo Final fosse verdade. Com anjos, nuvens e luz de um lado, caldeirões, sátiros e labaredas medievais do outro. Mas depois passou-me. Até do pior pano se limpa a nódoa. Sobrou só este brado aos céus que mal se vê.
publicado por Rui Correia às 14:25
link deste artigo | comentar | favorito
1 comentário:
De blimunda a 11 de Julho de 2004 às 14:54
É assustador mas confirma-se, alguns dos nossos tradutores pensam que basta saber a língua para se traduzir... Também tenho visto algumas traduções hediondas... Mas a culpa é também de quem contrata um tradutor pelo preço que cobra e não pelo seu currículo!

Comentar post

pesquisa

 

arquivo

nós

Dezembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
31

t&d
t&d