Domingo, 2 de Julho de 2006

carvão

burntforest.jpg

Tenho o meu coração negro. Carvão de alma. Ficou assim desde que presenciei dois dos meus mais fundos amigos da minha alma a vindimar, a extinguir, cruamente, um amor que deles fez irmãos durante décadas; um amor dos mais lindos que conheço. São séculos inteiros, milhares de anos de consagração recíproca, de amor intenso, de ventura inteira. Não o saberiam, porque nada valho, mas a chama desse amor havia-se tornado o meu reduto final. Uma das minhas pouquíssimas casas. Duas ou três, não mais, infelizmente. Sê-lo-ão sempre, enquanto eu teimar que sim e enquanto me quiserem. A presença deste amor e deste sangue que os une e unirá, sempre em mim teve, tem e terá o poder de exorcizar o muito que há de mau em mim, sempre que os meus muitos males me dominam. Este amor foi sempre a minha revelação fotográfica do que deve ser um amor. Filhos um do outro, sempre. Irmãos por causa da alma. Homens limpos. Homens vernáculos. Carnudos. Rectos. Certos. Prodigiosos. Homens. Tantas vezes impossíveis por tão seminais. Cúmplices como verdadeiros assassinos. Homens. E, de rompante, assim, sem mais nada, a mentira e o embuste abatem-se desumanamente sobre este amor. E desfalca-se assim uma dilecção em troco de uma sorte de voragem estúpida cheia de nada. De nada serve a palavra. A minha, então, é especialmente desnecessária. Choro apenas. Por um amor mutilado. Destrói-me ver homens destes a viver muito, mas muito, muito acima das suas posses. Compenetrados de um orgulho sem remédio, deixaram alimentar esta mórbida dissipação. Vem-me a mágoa, enfim, por um redil de equívocos e de agravos ter assim emparedado uma das mais importantes liberdades da minha vida. Deste incêndio, ficam-me as mãos pretas e a alma ardida como uma serra rescaldada e infeliz. Uma que caiu nas mãos de um riso gargalhadamente pirómano.
publicado por Rui Correia às 05:17
link deste artigo | comentar | favorito

pesquisa

 

arquivo

nós

Dezembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
31

t&d
t&d