Sábado, 21 de Abril de 2007

pensão

Uma ida ao Valado dos Frades valeu-me logo falar com quem sempre quero e arranjar mais uma janela para a minha memória musical. Numa idade em que só gostava de ouvir a música que os mais velhos do que eu ouviam, escutei ininterruptamente o seminal "Tales of mistery and imagination", do Alan Parsons Project. Mão amiga fez-me chegar de novo esse tesouro às minhas mãos. Na voz incorruptível de Orson Wells este texto incorruptível de Poe (t):


"Shadows of shadows passing. It is now 1831, and as always I am
absorbed with a delicate thought. It is how poetry has indefinite
sensations, to which end music is inessential. Since the comprehension
of sweet sound is our most indefinite conception, music, when combined
with a pleasurable idea, is poetry. Music without the idea is simply music.
Without music or an intriguing idea, colour becomes pallor, man becomes
carcase, home becomes catacomb, and the dead are but for a moment
motionless."


Edgar Allan Poe , apud "Tales of mistery and imagination", Alan Parsons Project

Turismo emocional de cinco estrelas, com pensão completa. Aqui.
publicado por Rui Correia às 14:07
link deste artigo | comentar | favorito

pesquisa

 

arquivo

nós

Dezembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
31

t&d
t&d