Sexta-feira, 14 de Março de 2008

Poinciana

Vi o Ahmad Jamal em Newport a tocar isto. Fiquei rendido. Depois, foi o Gary Burton com uma versão ainda melhor do que a do autor (com Scofield, Erskine, Fred Hersch e Patitucci). Ouvi há dias a versão do Frank Sinatra e as cordas são geniais. Agora ando de novo embeiçado por ela e encontrei esta versão lindíssima dos four freshmen 1952. A preto e branco, ao contrário daquela que é uma das mais deslumbrantes árvores do mundo. Mais deslumbrante ainda do que a música. Mas pouco mais.

publicado por Rui Correia às 13:48
link deste artigo | comentar | favorito
1 comentário:
De fj a 14 de Março de 2008 às 22:31
Muito bom, não a conhecia cantada.

Comentar post

pesquisa

 

arquivo

nós

Dezembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
31

t&d
t&d